Autor

29 de julho de 2011

Novo modelo de ADD.


"Os professores vão passar a ser avaliados por docentes de outras escolas e apenas de quatro em quatro anos. Estas são duas das novidades dos princípios do novo Modelo de Avaliação de Desempenho Docente, que foi apresentado esta tarde pelo ministro da Educação e da Ciência (MEC), Nuno Crato, aos sindicatos.   No resumo da proposta disponibilizada aos representantes dos sindicatos e jornalistas, estão definidos apenas sete princípios. A proposta completa será apenas conhecida a 12 de Agosto.

No primeiro ponto da proposta está a garantia de que «enquanto não se implementar um novo processo de avaliação, o MEC salienta que ninguém será prejudicado na fase de transição».
O princípio que se segue refere que «os ciclos de avaliação serão mais longos, de forma a permitir uma maior tranquilidade na vida das escolas e a possibilidade de todos os professores participarem no processo sem atropelos e sem concentração do trabalho avaliativo sobre todos os professores (os ciclos coincidirão com a duração dos escalões da carreira docente». Este ciclo é, em média, quatro anos.
O documento refere também a desburocratização do processo."

Sem comentários: