Autor

Partilhar.

segunda-feira, 5 de Dezembro de 2011

Na primeira pessoa.


"Manuela Antunes estava a caminho de uma das escolas espanholas onde dá aulas de Português quando, na terça-feira, lhe foi comunicado telefonicamente que já não teria emprego em Janeiro. Alexandra Sousa, que é professora na Suíça e tem um filho bebé, recebeu o mesmo aviso um dia depois, também por telefone." 

ADD de professores contratados ainda por concluir – II

Estamos a 5 de Dezembro, e a avaliação de alguns professores contratados que deveria ter sido concluída em Agosto, ainda não o foi!

Para além de não terem cumprido os prazos estipulados na legislação criada para o efeito, relatores, júris e CCAD, que ainda não concluíram a avaliação dos professores contratados, estão por certo esquecidos que sem ela o tempo de serviço relativo ao ano escolar de 2010/11 não é validado (considerando a atribuição, pelo menos, da menção de Bom).

Esta situação poderá estar a levar alguns professores que concorrem em “Contratação de Escola” a prestar “falsas” declarações quando ao critério de selecção: “Tempo de serviço até 31/08/2011”, respondem considerando o tempo de serviço ainda não validado pela última ADD.

            Para além disto, todas as renovações de colocação de professores contratados feitas para o presente ano lectivo, cuja ADD não foi concluída até 17 de Agosto – data limite do preenchimento, na aplicação da DGRHE, das condições para a renovação da colocação – incumprem o ponto 1 do artigo 26º do DR 2/2010 de 23 de Junho:

            O que é certo é que se houve renovação sem ADD, é porque alguém seleccionou na aplicação o Sim correspondente à consideração da obtenção da menção de pelo menos Bom numa ADD supostamente fantasma!

Assim vai o rigor de algumas direcções de escolas deste país, pelo que:

“Pior que a Crise, só as madrastas que estão por trás!”