Autor

31 de agosto de 2012

1.714 horários (completos e incompletos) por preencher

"O Ministério da Educação de Ciência, anunciou esta sexta-feira em comunicado que dos 51.209 candidatos sem vínculo à função pública que se candidataram ao concurso para contratação inicial e renovação de contrato ficaram colocados apenas 7600."

"Segundo a nota distribuída, as escolas solicitaram a colocação de docentes para o preenchimento de 12.114 horários, dos quais 1.714 horários (completos e incompletos), ficaram por preencher."

Ler mais em: Público

3 comentários:

Violeta disse...

Eu gostaria de saber o motivo que levou a isso. Ficaram fechados nas gavetas do MEC? Fugiram da aplicação? Desapareceram temporariamente para parte incerta? Grande palhaçada!

Na Sala de Aula disse...

Não se percebe: quase 2000 colegas com horário zero e continuam vagas por preencher!!!
Conclusão: vamos continuar a ter colegas com um ano de descanso (a receberem sem darem aulas) e a contratar professores sem necessidade (visto continuarem a existirem horários-zero e outros colegas com componente lectiva de apenas 6 horas)...

Petess disse...

Eu imagino que esse número de horários devem ser, na generalidade dos casos, muito reduzidos em termos de horas... As pessoas esquecem-se que estes horários não devem ser, obviamente da área geográfica dos horários zero. Será que alguém pensa que um horário zero de Bragança vem para o Porto ou para Lisboa?