Autor

13 de junho de 2013

Assim está melhor...

Governo marca “serviços máximos” nos exames mas pode ser insuficiente


“Se, por hipótese, eu preciso de 50 professores e só tiver 20, irei ligar logo para o Juri Nacional de Exames para saber o que faço. Neste momento, não tenho qualquer orientação sobre o que fazer”, admite à Renascença o presidente do agrupamento de escolas de Carcavelos e dirigente da Associação Nacional de Directores de Agrupamentos e Escolas Públicas, Adelino Calado

Sem comentários: