Autor

30 de junho de 2017

Professor da Escola Montelongo (e Presidente do Conselho Geral) condenado por abusos sexuais



"Um professor, de 59 anos, de Educação Visual e Tecnológica e que dava ‘Apoio ao Estudo’ aos alunos do 5º e 6º ano , numa escola em Fafe, foi condenado pelo Tribunal de Guimarães a dois anos e seis meses de pena suspensa, por três crimes de abuso sexual de menores, dos sete de que estava acusado. O agressor, que foi condenado na semana passada, não poderá exercer a profissão durante o mesmo período. Os abusos às alunas, menores de 14 anos, aconteceram durante o ano letivo 2012/2013, no decorrer das aulas. Segundo o acórdão, o homem escolhia as menores que fossem mais desenvolvidas fisicamente. Mandava as alunas sentarem-se no seu colo, com o pretexto de lhes corrigir os trabalhos ou esclarecer dúvidas e apalpava-lhes as nádegas e os seios. Em outras alturas, ia à secretária das alunas e tocava-lhes nas partes intimas."

Sem comentários: